Início » Notícias » Acusado de apoiar a Rússia, BraveAf é afastado do time de Valorant da Fnatic

Acusado de apoiar a Rússia, BraveAf é afastado do time de Valorant da Fnatic

BraveAf é suspenso depois de ser exposto por narrador ucraniano Aleksei “yXo”

A Fnatic afastou Andrey “BraveAF”, um de seus jogadores de Valorant, depois dele ser acusado pelo narrador ucraniano Aleksei “yXo”, de fazer comentários a favor da Rússia na guerra da Ucrânia. Em nota, a organização disse que o suspendeu para que o caso seja investigado.

O narrador publicou, em seu Twitter, uma conversa particular de BraveAf, onde ele afirma, para uma pessoa ucraniana não-identificada, que o Ocidente deseja “o colapso da CIS” e que Vladimir Putin não permitirá que isso aconteça. Ele fala ainda que a Rússia, a Ucrânia e a Belarus “vão ser uma coisa só” e que a Ucrânia “deveria desistir”. BraveAF também afirma que Putin garantiu que não haveria casualidades com civis

Em seu perfil no Twitter, BraveAF disse que suas palavras foram entendidas erradas e que a conversa aconteceu no dia 24 de fevereiro – segundo ele, aqueles eram seus pensamentos iniciais. Ele reiterou que é a favor da paz.

BraveAf iria participar do Valorant Master Reykjavík, que começa no dia 10 de abril. A equipe ainda não se manifestou sobre o substituto do jogador.

Compartilhe

Letícia Höfke

Letícia Höfke

Sou jornalista, escritora e completamente apaixonada por tudo que envolve o universo geek - principalmente, o Batman.

Veja também