Início » Notícias » Macron quer que esports tenham conexão com as Olimpíadas

Macron quer que esports tenham conexão com as Olimpíadas

O presidente da França – reeleito recentemente, – Emmanuel Macron declarou que pretende trabalhar para que os esports tenham conexão com as Olimpíadas de Paris 2024. O político se mostrou interessado em receber, no mesmo ano dos jogos olímpicos, alguns dos maiores campeonatos mundiais de League of Legends (Worlds), Counter-Strike: Global Offensive (Major) e Dota 2 (The International).

“Eu não esqueço dos esportes eletrônicos. Outra área de excelência da França, com equipes como Team Vitality ou Karmine Corp. Temos uma oportunidade histórica: a dos Jogos Olímpicos de 2024. Cabe a nós aproveitá-la para fazer uma ligação entre as Olimpíadas dos dois mundos e sediar os maiores eventos esportivos do mundo naquele ano: um Major de CS:GO, o Mundial de League of Legends e o The International de Dota 2”, disse Macron em entrevista, mostrando estar por dentro do cenário francês de esportes eletrônicos ao citar duas organizações de esports.

Vale lembrar que Paris sediu a fase de grupos do Worlds 2015 e recebeu a final do Worlds 2019. A França, contudo, ainda não recebeu um The International de Dota 2 ou um Major de CS: GO.

Macron derrotou a cadidata Le Pen no último domingo (24)

Emmanuel Macron foi reeleito no último domingo (24) com cerca de 58% dos votos. Ele derrotou a candidata de direita, Marine Le Pen. Em seu discurso de vitória, ele reconheceu que seu mandato não será fácil e que ele comandará uma França polarizada. “Já não sou o candidato de alguns, mas o presidente de todos”, afirmou.

Compartilhe

Letícia Höfke

Letícia Höfke

Sou jornalista, escritora e completamente apaixonada por tudo que envolve o universo geek - principalmente, o Batman.

Veja também