Morre Kazuhisa Hashimoto, o criador do lendário Konami Code

Foi anunciada hoje a morte de uma grande personalidade do mundo dos videogames: Kazuhisa Hashimoto, o criador do Konami Code. Quem anunciou a triste notícia foi o compositor Yuji Takenouchi, amigo de Hashimoto e antigo compositor da Konami.

Em sua carreira, Hashimoto trabalhou em diversos clássicos que até hoje são muito adorados pelos fãs de jogos antigos. Mas o seu trabalho mais notável foi a criação do lendário Konami Code, que foi usado em diversos jogos da empresa.

Ao anunciar o falecimento de Hashimoto, Takenouchi fez questão de lembrar os seus seguidores do quanto foi importante o trabalho dele para o mundo dos videogames. “Nós oramos pelas almas e espero que ele possa continuar fazendo jogos no céu.”

A criação do Konami Code

Qual jogador nunca reproduziu a famosa sequência: ↑ ↑ ↓ ↓ ← → ← → B A? A sequência foi criada por Hashimoto para ser usada em um port de console de Gradius. Ao fazer o Konami Code no jogo, o jogador desbloqueava uma grande quantidade de PowerUps para a sua nave.

Segundo a história, Hashimoto criou esse código ao perceber que a versão de Gradius na qual ele estava trabalhando era muito difícil. Então ele resolveu criar a sequência como uma forma de dar uma ajuda aos jogadores. O código foi mantido na versão final do jogo e eventualmente foi descoberto pelos jogadores, que começaram a usar a vantagem.

Apelidado de Konami Code, depois ele começou a ser usado em outras séries de jogos da Konami como Contra, Castlevania, Teenage Mutant Ninja Turtles e Metal Gear.

Mas o Konami Code acabou se tornando tão popular, que logo ele foi muito além de apenas jogos da Konami. No fim, ele se tornou um ícone da cultura pop sendo usado não apenas em jogos de outras desenvolvedoras, mas também aparecendo em outras mídias como forma de homenagear os videogames.

Recentemente o Konami Code apareceu até mesmo em Fortnite e no controle do Google Stadia.