Momentos dos jogos que nos fizeram chorar

Momentos dos jogos que nos fizeram chorar

Os jogos muitas vezes são experiências imersivas, que nos fazem ficar envolvidos com as suas histórias. E por causa disso, eles também são capazes de nos causar emoções. Jogando temos momentos de boas risadas, de nos sentirmos recompensados pela missão cumprida e também alguns momentos que fazem derramar algumas lágrimas. Com um nível de realismo cada vez maior, os jogos têm trazido cada vez mais momentos emocionantes ou devastadores. E hoje vamos relembrar justamente esses momentos dos jogos que nos fizeram chorar.

Ressaltando que esta lista terá spoilers de diversos jogos.

Relembrando momentos dos jogos que nos fizeram chorar

1. The Walking Dead – O fim de Lee Everett

The Walking Dead da Telltale se destacou por trazer um gameplay focado na história, que se passa no universo da aclamada franquia criada por Robert Kirkman. A trama prossegue de acordo com as decisões tomadas pelo jogador, que é colocado muitas vezes em situações um tanto complicadas.

Na primeira temporada do jogo The Walking Dead acompanhamos um homem chamado Lee que encontra uma garotinha chamada Clementine e começa a cuidar dela. Em meio aos perigos do apocalipse zumbi, Lee e Clementine passam a desenvolver sentimentos de pai e filha um pelo outro. E um dos momentos mais difíceis do jogo acontece no capítulo final, quando Lee é mordido por um zumbi. Então é dada a Clementine a opção de atirar em Lee ou não.

2. Final Fantasy VII – Morte da Aeris

8 Momentos dos jogos que nos fizeram chorar

Este certamente é o primeiro que vem na mente de muitas pessoas quando se fala em momentos dos jogos que nos fizeram chorar. Mais de 20 anos depois do lançamento de Final Fantasy VII, essa é considerada uma das cenas mais marcantes dos videogames. Na época, alguns jogadores revoltados com o destino da florista chegaram até a espalhar rumores sobre possíveis formas de evitar o acontecimento.

Mas, diferente do que dizem os rumores, o destino de Aeris é inevitável. Toda vez que revivemos a incrível aventura de Final Fantasy VII somos obrigados a passar pelo momento em que o vilão Sephiroth a mata a sangue frio. Tudo fica ainda mais triste quando acompanhamos o grupo vivendo o momento de luto da companheira morta.

3. Assassins Creed: Revelations – A passagem de Altair

Momentos dos jogos que nos fizeram chorar

Altair foi o protagonista original de Assassin’s Creed, que lutou contra os Templários durante a Terceira Cruzada. Ele foi o responsável por moldar boa parte da trilogia de Ezio, oferecendo informações recebidas pela Maçã do Éden. E em Revelations finalmente conhecemos um pouco mais da vida do personagem.

Ele envelheceu guardando os seus estudos, que um dia ajudariam Ezio e Desmond na luta contra os Templários. E no fim de Revelations presenciamos um Altair velho e cauteloso dando adeus ao seu filho e entrando no estúdio, onde ele finalmente coloca a Maçã do Éden em um pedestal. Então Altair se senta em um poltrona para descansar de uma vez por todas, em um dos momentos mais emocionais da série Assassin’s Creed.

4. Gears of War 3 – O sacrifício de Dom

Mesmo um jogo tão cheio de ação como Gears of War tem os seus momentos mais emocionantes. E um desses momentos é quando o personagem Dom, percebendo que os seus parceiros estavam cercados por forças inimigas, decide entrar em um tanque cheio de gasolina e se chocar contra a estrutura que eles estavam defendendo.

Ele tira sua vida para acabar com todos os inimigos. Tudo isso ao som de uma versão instrumental de Mad World de Gary Jules, que deixa a cena ainda mais tocante.

5. The Last Of Us – A morte de Sarah

Momentos dos jogos que nos fizeram chorar

The Last of Us certamente é responsável por muitos dos momentos dos jogos que nos fizeram chorar. Escolher a melhor cena do game é difícil, e muitas delas são de cortar o coração. Uma delas certamente é a que um soldado atira em Joel e Sarah nos arredores da cidade, matando a garota.

Então temos um pai perdido, com a sua filha morta nos braços, e com uma narração impecável que passa completamente todo o apego emocional e sofrimento do personagem logo no início da história do game. Esse é um prelúdio que não só nos mostra um pouco do passado de Joel, mas também traz uma prévia do mundo infestado de Cordyceps que estamos prestes a enfrentar.

6. What Remains Of Edith Finch – História de Gregory

What Remains Of Edith Finch é um jogo carregado de momentos tristes, que retratam os momentos finais de diferentes membros de uma família. O que parecia apenas uma aventura de investigação logo evolui para uma trama pesada e totalmente trágica, com histórias interconectadas que possuem em comum o tom bastante depressivo.

Quando você começa a compreender a história, fica bem claro que há uma maldição sobre a família de Edith Finch. E, mesmo em meio a tantos momentos chocantes, você certamente não estará preparado para a história do pequeno Gregory em sua banheira.

7. Metal Gear Solid 3 – O verdadeiro propósito de The Boss

Momentos dos jogos que nos fizeram chorar

Metal Gear Solid 3 certamente é um dos melhores jogos da franquia. A maestria da escrita de Hideo Kojima faz desse jogo uma experiência cheia de momentos marcantes e surpresas. E uma das maiores revelações do game é a missão final de The Boss, de morrer pelas mãos de Snake e assumir toda a culpa da América e da Rússia pela explosão nuclear causada pelo maligno Coronel Volgin. O jogo termina com o personagem Snake em um momento de muita tristeza e luto, mas saudando os atos de heroísmo da personagem.

8. Last Day Of June – Tentando mudar o passado

Last Day of June é um jogo que certamente vai te deixar com lágrimas nos olhos em diversos momentos. O jogo é focado no casal Carl e June, que acabam se envolvendo em um acidente de carro que deixa Carl na cadeira de roda e mata June, assim como o filho que ela estava esperando.

Então Carl ganha a habilidade de embarcar em uma série de jornadas por memórias de outras pessoas envolvidas no acidente, tentando alterar os eventos do dia que tirou a vida de sua companheira. Mas as coisas seguem um conceito de efeito borboleta e a tristeza, no fim de tudo, é inevitável. A cena do acidente certamente vai sempre arrancar lágrimas dos jogadores.

Esses foram alguns dos momentos dos jogos que nos fizeram chorar! Comente também outras cenas que te emocionaram.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Veja também