God of War Ragnarok: Produtores do Santa Monica tem sido alvo de assédio

Sabemos que os fãs de God of War estão desesperados pelo lançamento de God of War: Ragnarok, mas alguns estão passando dos limites, assediando funcionários e funcionárias do Sony Santa Monica Studios nas redes sociais; tudo isso para tentar arrancar deles uma data de lançamento. Na semana passada, todo mundo estava esperando que a Sony iria revelar um dia para a estreia do game, o que acabou não acontecendo. Algumas pessoas, então, sentiram-se no direito de importunar os trabalhadores do estúdio. As produtoras chegaram a receber fotografias sexuais não solicitadas, como Estelle Tigani, que afirmou ter recebido fotos de pênis.

“Dica profissional: me enviar fotos de pau pedindo a data de lançamento do God of War Ragnarok não vai, de fato, me fazer revelar a data de lançamento. Para as pessoas que estão fazendo isso, quando isso funcionou para você?!”, desabafou ela no Twitter.

Depois do tweet de Estelle, Cory Barlog, diretor do estúdio, veio a público se pronunciar e chegou a ser apoiado por outros membros da indústria, como Phil Spencer, líder da Xbox.

“Você está brincando comigo com isso agora?? Eu não posso acreditar que eu tenho que dizer isso, mas não mande fotos de pau para NINGUÉM nesta equipe, ou qualquer pessoa nesta indústria para esse assunto. Eles estão quebrando a bunda para fazer alguns para você aproveitar. Mostrem um pouco de respeito”, disse ele.

Ron Gilbert, criador de Monkey Island, também passou por isso recentemente. Ele deixou de compartilhar nas redes sociais, informações sobre seu novo projeto depois de ser insultado e ameaçado por várias pessoas.

Preocupado com seus funcionários, o estúdio Santa Mônica emitiu um comunicado de imprensa pedindo respeito:

Todas as pessoas do Santa Monica Studio estão trabalhando para criar um jogo de que nos orgulhemos, na esperança de que também vocês desfrutem dele quando for lançado. Os nossos fãs nos inspiram, e entendemos a paixão e desejo por mais informações. Mas, essa paixão, não deverá nunca ser tóxica, nem surgir à custa da dignidade humana. Vamos celebrar a nossa comunidade tratando-nos, todos os jogos e todos os trabalhadores, com respeito“.


God of War Ragnarök ainda não tem data de lançamento por enquanto. Tudo que sabemos é que o game está agendado para sair ainda em 2022. Nos servidores da PlayStation, havia a data 30 de setembro de 2022, o que alimentou a teoria de que a Sony Santa Monica Studios estava desenvolvendo o jogo para ser lançado nessa época. Porém, recentemente, houve uma alteração e a Sony mudou a data para o dia 31 de dezembro de 2022.

Jogadores do mundo todo torcem para que God of War: Ragnarok não siga o caminho de outros grandes títulos que seriam lançados em 2022 e foram adiados, como The Legend of Zelda: Breath of the Wild. Por enquanto, os fãs podem ficar tranquilos: não existe qualquer indício a respeito de adiamento de Ragnarok. O próprio Cory Barlog já afirmou que o desenvolvimento está se seguindo normalmente. Inclusive, o game recebeu classificação etária na Coreia, o que sugere que ele já está pronto para o lançamento.

O que sabemos sobre God of War Ragnarök é que sua história se passa após o título de 2018, quando Kratos e Atreus causaram muita destruição por alguns dos Nove Reinos e deram início aos eventos que vão acabar com o mundo e recomeçá-lo. Afinal, o nome do jogo é Ragnarök, o apocalipse da mitologia nórdica.  Kratos e Atreus vão precisar lidar com seus erros para salvar o mundo da destruição.

Clique aqui para conferir tudo que sabemos sobre God of War Ragnarok até o momento.

Compartilhe

Letícia Höfke

Letícia Höfke

Sou jornalista, escritora e completamente apaixonada por tudo que envolve o universo geek - principalmente, o Batman.

Veja também