Início » Especiais » Os melhores jogos de anime

Os melhores jogos de anime

Juntamente com os games, os animes estão entre os produtos japoneses mais consumidos do mundo. Portanto, por que não misturar os dois? No post de hoje, separei alguns dos melhores jogos de anime em todas as plataformas. Confira:

 

Naruto Ultimate Ninja Storm 4 (PS4/XONE/PC/SWITCH)

Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 4 foi lançado em fevereiro de 2016, sendo o quarto e último da série Ultimate Ninja Storm. O jogo é o primeiro disponível para os consoles da oitava geração e continua a trama de seu antecessor, encerrando a saga de Naruto contra a Akatsuki, quando eles enfrentam definitivamente Madara Uchiha. Você pode conferir mais sobre o game aqui.

Sobre o anime

Criado por Masashi Kishimoto, o anime conta a história de Naruto Uzumaki, um jovem ninja que está em busca de reconhecimento e sonha em se tornar Hokage, o líder máximo e mais poderoso de sua vila. Ao longo dos episódios, encontra vários desafios e passa por diversas aventuras. É até difícil de resumir tanta coisa, já que o anime conta com 500 episódios, OVAs, filmes e até, uma continuação, focada na história de Boruto, filho de Naruto.

 

Bleach: Dark Souls (NINTENDO DS)

Particularmente, Bleach é um dos meus animes favoritos, e eu não podia deixar de fora da lista algum game da franquia. Portanto, escolhi Bleach: Dark Souls; desenvolvido pela Treasure (especializada em títulos deste gênero), o jogo, lançado em 2007, é a continuação direta do bem sucedido jogo de luta, Bleach: Blade of Fate.

Dark Souls traz algumas melhoras a nível de gráficos e de jogabilidade, mas também oferece uma história nova, baseada no mangá e anime, e adiciona novos personagens, além de colocar mais movimentos em personagens antigos. Há inúmeros modos de jogos disponíveis, são eles: modo história, modo arcade, modo VS,modo Time Attack, modo de sobrevivência e modo de treino.

Sobre o anime

Bleach conta a história de Kurosaki Ichigo, um garoto de apenas 15 anos que pode ver espíritos. Um dia, ele encontra Rukia, uma shinigami (deus da morte, na cultura japonesa), combatendo um espírito maligno, e ela acaba transferindo parte de seus poderes para ele. A partir daí, as aventuras de Ichigo tem início e ele passar a proteger os vivos e os mortos, enquanto luta contra monstros chamados Hollows.

 

Yu-Gi-Oh: Forbidden Memories (PLAYSTATION)

Lançado em 1999 para PlayStation 1, Yu-Gi-Oh! Forbidden Memories é um videogame de cartas de estratégia. O jogo se destaca por ter uma abordagem simplificado e mais amigável para os jogadores novos na franquia. A aventura se passa no Antigo Egito e, segundo fãs, é uma das experiências mais próximas ao jogo de cartas do anime.

Sobre o anime

Após derrotar o campeão mundial Seto Kaibe em um duelo de cartas com ajuda do misterioso quebra-cabeça Millenium, o estudante de ensino médio Yugi Muto fica famoso em todo o mundo e passa a participar de outros duelos para salvar os amigos e a família.

Saint Seiya: Awakening

Saint Seiya Awakening: novo game abre pré-registro para Android e iOS |  Jogos de RPG | TechTudo

Nenhuma lista estaria completa sem Os Cavaleiros do Zodíaco e a franquia, em si, renderia uma lista própria com ótimos títulos. Por mais que seja difícil escolher um único jogo para destacar aqui, precisamos reconhecer o tremendo sucesso de Saint Seiya: Awakening. Sucesso no mobile, especialmente na China e na América Latina, o game é um gacha com batalhas 6×6 e diversos modos de jogo PvE e PvP.

Mesmo com sistema pay to win que é considerado predatório entre alguns jogadores, o game consegue entregar diversas horas de diversão com seu modo história e na conclusão de desafios extras.

Sobre o anime

No universo de Cavaleiros do Zodiaco, jovens guerreiros são consagrados com armaduras oriundas de diferentes constelações com o propósito de proteger a deusa Athena e estabelecer a paz entre a humanidade.

One Piece: Pirate Warriors 3 (PS4/PS3/VITA/SWITCH/PC)

O título segue a linha de gameplay da franquia Dynasty Warriors com muita pancadaria e inúmeros inimigos na tela. Ele não tem muita diferença de seus antecessores, mas os fãs podem reviver a história do anime desde o começo. É um jogo excelente para os fãs de One Piece e até para quem não conhece. 

Sobre o anime

Em One Piece, temos a história da tripulação pirata comandada pelo Capitão Monkey D. Ruffy, cuja ambição é obter o maior tesouro do mundo, o One Piece, e assim, ocupar o posto deixado pelo finado Rei dos Piratas Gol D. Roger. Todo mundo que gosta de anime sabe que One Piece é extremamente longo. A saga de Ruffy já tem mais de 20 anos e conta com mais de mil episódios, 4 OVAs, 13 especiais e 14 filmes.

 

Bônus: os jogos de Pokémon

Não dava para Pokémon ficar fora dessa lista. Esse, no entanto, é um caso diferente dos outros games citados aqui, pois o anime só surgiu depois do lançamento em 1996, dos primeiros jogos, criados pela desenvolvedora japonesa Game freak exclusivamente para o Game Boy. Acontece que Pokémon fez tanto sucesso no Japão que virou um desenho e conquistou o mundo, chegando no Brasil em 1999.

Em alguns países – caso do nosso e os EUA -, o lançamento dos jogos se deu depois da exibição do anime, o que passa a impressão de que os games foram inspirados na animação japonesa, mas na verdade, foi o contrário. Interessante, né?

Ao longo, Pokémon ganhou inúmeros títulos diferentes e definitivamente, seus jogos estão entre os melhores “jogos de anime”.

Sobre o anime

Ao completar 10 anos, Ash finalmente ganha a oportunidade de escolher seu Pokémon inicial e dar início a sua jornada pelo título de Mestre Pokémon. No entanto, por chegar atrasado, perde a chance de escolher Bulbasaur, Squirtle ou Charmanter, tendo que ficar com Pikachu. Logo, os dois começam uma grande aventura, enfrentando outros lutadores e fazendo o possível para escapar da Equipe Rocket. Atualmente, o anime tem mais de mil episódios, divididos em 23 temporadas e 7 séries principais.

 

Compartilhe

Letícia Höfke

Letícia Höfke

Sou jornalista, escritora e completamente apaixonada por tudo que envolve o universo geek - principalmente, o Batman.

Veja também