Os momentos mais marcantes de The Last of Us: Part II

The Last of Us: Part II foi lançado em maio do ano passado, mas ainda dá o que falar. O game da Naughty Dog já ganhou inúmeros prêmios e é considerado o melhor jogo da geração passada por muitos jogadores. Nessa matéria listamos os momentos mais marcantes de The Last of Us: Part II. Ah, cuidado com os spoilers!

Morte de Joel

Quem jogou The Last of Us: Part II sabe que um dos momentos que causaram revoltas nos jogadores foi a morte do Joel. Em menos de duas horas de gameplay perdemos um personagem que teve destaque no primeiro game e no mundo dos games. A cena é uma faca no estômago para qualquer jogador. Sem dúvidas um dos momentos mais marcantes na histórias dos games.

Passado de Abby

Abby foi uma personagem que causou polêmica entre os jogadores. Porém, quem jogou sabe o verdadeiro passado e a motivação por trás da personagem. Com uma jogada de roteiro, conhecemos uma moça misteriosa e que depois descobrimos que o seu nome é Abby. No decorrer da história descobrimos que Abby é filha do médico que iria operar a Ellie e que, consequentemente, resultaria em sua morte. No final de The Last of Us Joel mata o médico, pai de Abby, e todos os integrantes dos vagalumes. Na segunda parte temos acesso a conversas antes da cirurgia e conhecemos mais o “outro lado do moeda”.

Morte da irmã de Lev

Durante a fuga de Lev, Yara e Abby na ilha dos cicatrizes, o trio se esbarra com alguns membros dos Lobos, antigo grupo de Abby. Depois de uma discurssão, Yara, irmã de Lev, acaba sendo baleada e morre. Lev entra em desespero e Abby tenta fugir com ele.

Take on Me

Durante o gameplay passamos por diversas situações tensas, mas Neil Druckmann soube esquentar o coração do jogador com uma cena específica. Durante a passagem em Seatlle, Dina e Ellie vão parar em uma loja de discos e Ellie encontra um violão (essa cena só acontece se o jogador explorar uma sala específica, então explore bastante!). Ellie toca e canta nada mais nada menos que Take on Me, música clássica de a-ha, expressando todo o seu amor por Dina.

Batalha de Abby e Ellie

Confesso que a batalha entre Abby e Ellie foi um dos momentos que fiquei mais tensa na cadeira, sério. Primeiro que o game te obriga a causar danos na Ellie, já que no momento que isso acontece você está controlando Abby. A batalha lembra bastante a batalha do David em The Last of Us, principalmente na utilização da furtividade. A batalha também conta com uma cena de embrulhar o estômago de nervoso.

Cena final

Assim como o primeiro, o final de The Last of Us: Part II não é um final feliz. Na segunda parte sentimos mais ainda o “gosto amargo”. Depois de Ellie ir atrás de Abby na praia e as duas brigarem, Ellie desiste de matar Abby. Porém, Ellie acaba perdendo um dedo durante a briga. Nossa pequena retorna para a casa a fim de encontrar Dina e JJ, mas não encontra. Ellie acaba sozinha, como ela temia (quem se lembra do diálogo em The Last of Us com o Sam?). O final ainda tem uma cena de flashback de fazer todos chorarem, um diálogo necessário entre Joel e Ellie e o verdadeiro motivo dela não ter matado a Abby.

E aí, quais foram os momentos mais marcantes de The Last of Us: Part II para você? Conte pra gente nos comentários!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Veja também